Uso da inicial minúscula em substantivos compostos

Home / Gramática / Ortografia / Uso da inicial minúscula em substantivos compostos

O uso da inicial minúscula em substantivos compostos representa algumas das regras gramaticais

Curtidas 0

0

Compartilhe

Estudos concretizados desde as mais tenras aprendizagens que fazemos acerca dos aspectos linguísticos conduzem-nos ao fato de que o uso de letras maiúsculas está relacionado a nomes próprios, tais como: cidades, nomes de pessoas, praças, avenidas, eventos de naturezas diversas, datas históricas, enfim. Contudo, sabemos também que os fatos condizentes à Língua Portuguesa, mesmo estando submetidos a determinados padrões convencionais, muitas vezes se reservam a algumas exceções, como é o que ocorre com as iniciais dos substantivos compostos, nas quais constatamos as mudanças de tais letras: elas passam de maiúsculas para minúsculas.       

Assim, diante dessa realidade linguística, ocupemos em estabelecer um pouco mais de familiaridade acerca do uso da inicial minúscula em substantivos compostos, mesmo em se tratando de nomes de pessoas e nomes próprios de uma forma geral.

Partindo desse pressuposto, não estranhe, simplesmente apreenda, haja vista que a partir dos exemplos evidenciados a seguir, você irá perceber que se trata de substantivos comuns, por mais que neles contenham nomes próprios, como é o caso de Pará (especificando um estado), Aquiles (especificando uma figura mitológica), Índia (retratando um país), João (representando um nome de pessoa) e assim por diante. Dessa forma, procurando ampliar seus conhecimentos, de modo a utilizá-los em determinadas circunstâncias específicas de interlocução, observe alguns exemplos:

joão-de-barro

coco-da-baía

calcanhar-de-aquiles

deus-nos-acuda

maria-vai-com-as-outras

tigre-de-bengala

castanha-do-pará

deus-dará

canário-do-ceará

porco-da-índia...

Voltar ao topo